sábado, 22 de julho de 2017

CLARO QUE MENTIMOS POR SEXO

O que seria de nós se não fosse a mentira?

Muitos homens mentem para ter sexo porque este é o caminho mais fácil...
Sim, eu sei que você ficou chocada com a "novidade", mas não é verdade?


Sabe como é: a garota pergunta, "você me ama?", e o cara vai responder o quê, que "ainda" não?

Puts! Imagine a cena: 
"Olha, amar eu não te amo, mas você me dá um tesão danado, gata!"Oras, se ele fizer isso a casa vai cair!!
No mínimo ele vai ter que discutir a relação por horas e horas:

"Mas eu só liberava o playground porque achava que você me amava, Junior!!!"

Pronto, acabou o sexo!  


Então, para encurtar a conversa e irem logo para a cama, é bem melhor o cara mentir:
"Claro que eu te amo, amor!".

Sabe, este tipo de coisa é mais ou menos igual àquele papo furado de algumas garotas, que resolvem saber quais são as nossas intenções, justamente no momento em que já estamos sem roupas :

"Você vai fazer sexo ou amor comigo?"

"Lógico que é amor"

Pombas, o cara tá lá,pronto para a sacanagem, não tem como não mentir.

E o pior é que algumas fazem questão de olhar nos nossos olhos, só para ver se estamos sendo realmente sinceros:

"Tem certeza que vamos fazer amor?"

"Sim, querida,  eu juro pela minha mãe que vamos fazer amor!"

Maior que a habilidade que o mentiroso tem com as palavras é a capacidade que algumas mulheres têm de acreditar em "mentiras padronizadas".

Por exemplo, o cara quase nunca te procura, só aparece de vez em quando, mas em uma noite, sem mais ou menos, ele telefona todo cheio de chamegos, só para dizer que está morrendo de saudades!

Claro que no começo você fica com um pé atrás, mas depois de alguns "meu anjo", "você sabe que eu te adoro" e , claro, "eu penso o tempo todo em você", começam a bater as indecisões:

"Ai...Será que ele está falando a verdade? Nossa, ele parece tão sincero!"


Oras, acorda, minha filha!! 
Ele mal lembrava que você existia.

E agora, de uma hora para outra, assim, num estalo, você acha mesmo que ele não consegue parar de pensar em você??

Então, contrariando toda lógica, depois de meia hora de "papo adocicado", você nem quer mais saber de nada: 

"Você me pega em casa que horas, querido?"

Mas, que tal voltarmos alguns minutos antes desta ligação, só para ver o que o levou a te procurar depois de tanto tempo sumido?

Pois bem, depois de terminar um namoro, como é mais que natural, a agenda dele deve estar meio desatualizada.

Sabe como é, meses e meses só com uma mulher acaba com "ferramenta de atualização de mulheres livres" de qualquer homem.

Então ele liga para várias garotas, e descobre que algumas já estão namorando, outras estão noivas, e é claro que existem aquelas que o odeiam, mas que ele havia se esquecido de apagar da agenda!

Ah, sem contar duas que mudaram de preferência sexual:

 "Desculpe, mas de tanto arrumar cafajestes, agora eu só curto mulher".

Sobrou quem? 
Você.

Só que não dá para ele abrir o jogo e confessar que só está telefonando porque está com um tesão danado e sem mulher.

Sim, é claro que você foi a última opção, porque antes de você ele ainda ligou para a Luciana, que até podia ser chata demais com aqueles papo de "Nova Era", mas tem um corpo que é uma delícia.

E a Raquel, então?
Ele até marcou uma ponta com ela, mas ela só tem tempo na próxima semana.

Então, só sobrou você.


Agora, e se ele contasse a verdade, que só está te ligando para ajudá-lo a "desentupir a serpentina"?

Não, nós não somos gênios, acredite.
Afinal, se perceber melhor, verá que nem passamos perto do que seria um papo inteligente, algo assim tão brilhante, capaz de convencer uma mulher inteligente.

Bem, a não ser que ela esteja a fim de fingir que está sendo enganada.

Por exemplo, tem mulher que finge que acredita que o cara está querendo algo mais sério com ela, porque acha que com jeitinho e muita paciência vai conseguir fazê-lo se apaixonar.

Outra coisa é esse lance de virar muleta emocional de homem carente que acabou de terminar um relacionamento longo.

Sabe como é, ele faz aquela carinha de quem está tristinho e até parece ser um cara tão doce e meigo, que não custa nada liberar o playground para ele se divertir um pouquinho:

"Ah, mas ele tá tão carente..."

O que seria de nós se não fosse o grandioso e caridoso coração de muitas mulheres?

Olha, sinto muito pelo que vou escrever aqui, porque sei que vou queimar o filme de muitos colegas homens, mas, na maioria das vezes, encarar um love com um cara que ACABOU de terminar um relacionamento é furada!!

Oras, para muitos de nós a parte mais brava do rompimento não é a falta do carinho, companheirismo e romance, mas a falta do sexo garantido.


E na hora que bate o perrengue é duro de aguentar, porque antes o cara transava com a namorada pelo menos umas duas vezes por semana, mas agora já se passaram mais de um mês, e ele só está transando com a mão!

Aliás, tem muito cara que procura a ex-namorada, não porque está "indeciso", nem porque pensou melhor e viu que ainda a ama, mas porque está morrendo de tesão e não tinha ninguém para matar a vontade.

Sim, pode xingar porque somos canalhas até os ossos!

Mas a culpa é dos hormônios, juro!!
Sabe como é, passar vários dias tendo ereções faz qualquer um mentir.



Para terminar, eu gostaria de deixar bem claro que as coisas estão mudando, porque hoje em dia é bem comum encontrar mulheres que também precisam mentir.

Por exemplo, tenho uma colega que só queria sexo, nada de amores e romances longos, mas só encontrava homens que achavam que isso era um absurdo, por isso começou a mentir:

"Paulo, eu estou tendo que mentir para ter sexo!!! 
Os caras só querem ser meus namoradinhos, andar de mãos dadas, dar beijinho na boca e tals. 

E se eu não fingir que a gente tá namorando eu fico sem sexo".

O que!? Depois de ler essa matéria você não vai mais querer transar com a gente?

Catso!!! Viu o que dá contar a verdade?
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2014 - Revista Andros

Nenhum comentário:

correr atrás é afastar o outro