sábado, 18 de março de 2017

ELE É UM HOMEM TÃO SENSÍVEL QUE ENJOA!

Ele é tão sensível...

Prepare os lenços de papel.

Porque quando este homem de coração de mole começar a lançar seus olhares de cachorrinho perdido, dificilmente alguma mulher conseguirá segurar as lágrimas.

Nossa, mas como mulher é um bicho castigado por Deus, já reparou? 
Ainda mais quando vivem o dilema de chutar ou não um homem, digamos, sensível demais, porque na visão de muitas, ele seria o bendito "príncipe encantado".

Você sabe que ele é uma porcaria, só que o problema é que muitas mulheres acham que devem escolher o homem sensível, já que ele representa o lado feminino, o cara de alma delicada, sempre pronto para discutir a relação, sem medo de expressar seus sentimentos e, lógico, muito mais interessando em colocá-las em um pedestal!


Lógico que delicadeza, carinho e atenção é algo fundamental em qualquer relação, isso nem se discute. Só que como diz o ditado:

TUDO QUE É DEMAIS ENCHE!!!


Sim, porque ele pode ser sensível sem precisar dar uma de "manteiga derretida", um cara que qualquer coisinha já serve para deixar o seu coraçãozinho apertado!! 

Pombas, que graça tem em brigar com um cara que quando você grita ele corre e pede perdão? 

Ok, ele nem fez nada de errado, mas se você está brava...

Então, você olha para esse espécime de "baba ovo", se sente enojada até os ossos, mas não sabe o que fazer. Sim, porque, pelo menos por hipótese, repito, ele deveria ser o homem perfeito.

Até bate uma vontade de dar um chute na bunda, mandar este chato para bem longe - quem sabe para um lugar cheio de princesinhas delicadas -, mas como é possível querer o mal de alguém tão iluminado, que sabe como ninguém comprar o absorvente certos para você? 

E ele ainda sabe como ninguém a temperatura exata das compressas de água quente para diminuir as malditas cólicas menstruais!!

Só que você não quer um pajem, uma porra de faz-tudo!!! 
Você quer um homem, cacete!!!

Então, diante de tantas "qualidades", não poderiam deixar de pintar as primeiras insatisfações:

"Poxa, ele bem que podia ser menos domesticado...Ele nunca tem opinião própria e só sabe dizer "o que você escolher tá bom pra mim, amor"!"


E em relação ao "Picote's Time", dependendo do "grau de delicadeza" do homem, esperar uma atitude mais, digamos, atrevida, é pura perda de tempo.

Sim, porque tem cara que é muito é muito inseguro.

Ainda mais se ele é do tipo que adora fazer tudo certinho, sem arriscar, sem colocar para fora o animal no cio, tudo porque morre de medo de fazer algo errado.

Ah, claro, minha filha, você nunca vai ter que dizer para este cara: 
"Buraco errado, amor!!"

Resumindo: ele faz amor quando você gostaria mesmo era de fazer SEXOOOOOOO!!

E como ele adora agradar na hora do sexo:
"Tá bom assim, querida? ...Tem certeza de que não estou te machucando?...Você gostaria que eu fizesse alguma coisa diferente, tipo, chupar seu dedão do pé enquanto você termina de ler sua revista, por exemplo?"

Não tem jeito, homem sensível demais não passa de um puxa-saco emocional, por isso fica o tempo todo arrumando um jeito de agradar. 

E haja paciência pra convence-lo a não enviar as malditas rosas, todo santo dia, com o mesmo cartão "Para a mulher da minha vida..."

É legal ter alguém para conversar, namorar e passear, mas ele precisava ser tão grudento?

Puts! Mas ás vezes não te bate um desespero, uma vontade de pega-o pelos braços e jogar pra fora de casa, quem sabe para ver se ele passa um tempo com os amigos?

Ser um cara presente é uma coisa, mas ele virou um encosto na sua vida!!

"Vai arrumar algo para fazer porque este seu grude está me matando de tédio!!"

Só que ele não vai...

Oras, os amigos já se cansaram dele há um tempão! 

Também pudera, o infeliz passa o tempo todo vivendo em virtude deste amor. 
De repente o pessoal o convida para tomar umas cervejas, mas ele tem hora marcada pra sair: 

"Vou beber só um copo e depois vou pra casa ver o meu amorzinho..."

Caramba!! 
Você orando para o infeliz ver se desgruda um pouco do seu pé, e ele não consegue ficar nem uma hora com os amigos!?

Outra coisa que ele sempre faz é assumir todas as culpas. 

Se você está cansada e não quer "fazer amor", ele já acha que não está sendo um bom amante. Então, quando menos esperar, que ele insistirá em discutir a relação:

"Pode falar que o problema está em mim...Eu entendo..."

Pombas, você está com a cabeça pegando fogo de tanto trabalho, só isso!

Ele é tão "politicamente correto", que jamais falará algo com gostosa, tesão ou xoxotuda! Que nada. No máximo elogiará seus seios e fará comentários sobre como fica bela sob as luzes pálidas do quarto de motel.

Claro, você tenta manter a calma, segura o riso e concorda que elogiar é fundamental - principalmente na hora do sexo - mas precisava falar sempre as mesmas coisas?

Onde será que este cara aprendeu sobre romantismo, nos livros da Sabrina?!?

Ainda mais quando você está maluca por sexo, doida pra quebrar a cama e ele prefere fazer uma pausa, dizendo o quanto se sente bem em poder abraça-la por horas e horas (haja saco para agüentar!). 

E pior: ele ainda tem coragem de dizer que preferia só ficar curtindo o calor do seu corpo em vez de transar!

Definitivamente, mesmo ele sendo "perfeito", paciência tem limites.

E como tesão de mulher é algo com que não se brinca, heis que você resolve tomar as rédeas da bimbadinha, joga o infeliz contra a parede e faz o diabo. 

Só que ele não cala a boca: 
"Nossa, amor! O que é isso, amor? Como você está atacada hoje, amor!"

Tudo bem, até dá para aturar um sexo ao som do maldito Kenny G (é, ele gosta de Kenny G e de outras porcarias melosas na hora do sexo).Também dá para aguentar fazer sempre o mesmo sexo, com romantismo demais, velas, vinho branco, rosas vermelhas, e a maldita musica do Kenny G tocando na sua cachola, mas o que não dá para aturar é um cara que não sabe ficar de boca fechada!

"Quer calar a boca enquanto eu tento me concentrar para ver se consigo gozar!?"

Você gritou comigo!!! Buááááá!!!!

Oras, por isso que eu digo e repito:
VIRA HOMEM, JOÃO!!!!!!!!


www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

Nenhum comentário:

correr atrás é afastar o outro