sábado, 17 de junho de 2017

ELA SONHOU QUE ESTAVA ME BATENDO

Não me traia nem em sonhos

Qual mulher nunca sonhou (literalmente) que estava dando uma surra, quebrando a cara do Benzão?

E quantas vezes você não acordou irritada, com a adrenalina fervendo nas veias, louca pra tirar tudo a limpo? 

Sim, eu já fui vítima de uma namorada que sempre sonhava que me pegava com outra mulher. E no dia seguinte, quando estava esperando ser acordado com um beijinho de bom dia, lá vinha porrada:

 "Não me toca que eu estou com raiva de você!!!"

Ué, mas o que foi que eu fiz!!??


Olha, não sei se é impressão minha, mas acho que uma outra namorada minha deve ter me dado uma surra lá no astral.

Sei lá, o pessoal não diz que as almas deixam o corpo enquanto estamos dormindo?

Sim, porque no seu sonho ela tinha me dado uma surra com uma barra de ferro.
E foi muita coincidência eu ter acordado todo moído, com o corpo doendo.

Tudo bem, pode ter sido o travesseiro, quem sabe o colchão do motel que era muito duro, mas que eu acordei péssimo, isso nem se discute.

Se bem que muitas vezes o sonho é tão real, que a gente acaba sendo acordado na base da porrada.

E tome tapa na cara, chutes, joelhadas. 
Você acorda assustado, olha para sua garota, e ela está lá, sonhando e balbuciando coisa que você mal consegue entender. 

Claro, coisas como "filho da p" e "eu te mato", sempre são mais fáceis de entender. 

Então, quando conseguimos acordá-las, a primeira coisa que queremos saber é se foi um pesadelo, enfim, que catso de sonho foi aquele, certo? 

Só que algumas ficam tão nervosas, que fecham a cara e respiram bem fundo, como se quisessem perguntar: 

"Você ainda tem coragem de me perguntar?"

Ah, sim, como é que temos coragem de perguntar, não é mesmo? Aliás, algumas acham que este tipo de sonho tem a ver com um sinal, uma espécie de aviso:

"Eu acho que este sonho foi um alerta, seu safado!! 
Quem é essa loura do meu sonho!? 
É alguma vagaba do seu serviço!? 
Conta logo, porque meus sonhos nunca falham!"

Tem mulher que acorda nervosa e te sacode com raiva:

"Acorda porque eu sonhei que você estava com outra!"

Mas são duas da madrugada!

"Não adianta vir com desculpas. Quem era ela, seu safado!" 

Ela quem?

"A piranha que estava com você na minha cama!!"


Pior foi a surra que uma amiga deu no marido.

Como ela costumava ter ataques de sonambulismo, ela pulou em cima dele e começou a dar tapas, querendo unhar seu rosto. Depois de muito custo ele conseguiu acordá-la, mas a adrenalina era tanta, que mesmo depois de acordada ela queria briga. 

Mas só depois, quando ela conseguiu se controlar, foi que ele conseguiu entender o motivo de tanta raiva: "Vocês estavam transando e rindo da minha cara!!!"

Tá explicado: levar chifre e ainda ser motivos de chacota, nem em sonho.

Pior é que nos sonhos elas batem com força, colocam para fora toda a raiva que estão sentindo, mas nada acontece. E a frustração fica maior porque é como se estivessem batendo no ar. Então elas acordam frustradas, emputecidas até a alma, com uma sensação de que "isso não vai ficar assim".

E aí é ruim, porque você se sente como se tivesse devendo levar uma surra de sua garota.

Por que elas gostam de sonhar que estão dando murros em nossas caras? 

Agora, jamais faça o que meu amigo Jefferson fez com a namorada, achando que uma piadinha serviria pra quebrar o clima pesado: 

"Mas pelo menos a garota do sonho era gostosa?"

Já imaginou sua garota nervosa, louca de raiva por sonhar com você e outra garota, e você fala uma coisa dessas?

Resultado:
Ela nunca mais olhou para a cara dele.
.


..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

QUEM DISSE QUE TODA MULHER SONHA EM CASAR?

Quando é que essa menina vai se casar?

Se você tem uma vida tranquila, se já fez uma boa faculdade e tem um bom emprego, por que será então que quase todo mundo fica lhe cobrando um casamento?

Oras, você tem outras prioridades, um monte de planos para o futuro e, definitivamente, neste momento você nem quer saber de um casamento.

Às vezes parece que tudo que você conquistou não vale nada sem um marido. 

Tudo bem, você tem um ótimo emprego, ganha bem mais do que mamãe e papai, mas se você ainda não deu um netinho para os coroas mimarem, então você não está sendo uma boa filha.

Aliás, com esse papo de "cadê o meu netinho?", parece que você está em dívida com eles, não é mesmo?


Também pudera, porque tem sempre aquele papo bravo

  "Estamos ficando velhos e acho que vamos morrer sem a alegria de ter um netinho".
E aí é ruim demais!

Se bobear você até se casa só para acabar com a aporrinhação:

"Toma! Pega o netinho e me deixem em paz!"

Até o início do século XX, era comum as mulheres se casarem novas, muitas vezes com 13 anos. Uma mulher que chegasse aos vinte anos solteira era considerada quase uma aberração.

Sim, porque o certo era uma mulher ter 10, 15 filhos antes de completar trinta anos. Mulher só servia mesmo para cuidar da casa e parir um monte de filhos. E qualquer coisa diferente era encarada quase como um crime.

Oras, nenhum pai queria sustentar uma filha até os vinte anos de idade, por isso era fundamental arrumar logo um marido e despachar o "estorvo" bem rápido.

Só que as mulheres de hoje trabalham e não precisam mais ser sustentadas por ninguém.

O problema é que muita gente ainda acha que todo este progresso não vale de nada, porque acreditam que as mulheres poderiam muito bem abrir mão do trabalho e dos estudos em troca da santa maternidade.

E como é difícil lidar com certos conselhos das amigas:

"Você é bonita, tem um corpo perfeito, pra quê vai ficar trabalhando se pode arrumar um homem que te sustente?"

É interessante, mas a imensa maioria das suas amigas, apesar de poucas serem felizes no casamento, vivem fazendo cobranças.

Tem sempre uma amiga que quer saber se pelo menos você está namorando, outra que quer saber se você não sente falta de ser mãe, e é claro que tem sempre aquela que insiste em saber se você não tem medo de chegar aos 40 anos solteira:

 "Ai, amiga, com 40 anos ninguém vai te querer..."

Os anos passam, você continua ganhando cada vez mais, fazendo sucesso, e mesmo assim ainda tem que aturar os velhos papos, sempre que se arrisca a ir em uma festinha de família.

Sim, porque tem sempre uma tia querendo saber se você vai se casar ou se vai morrer solteira, não é mesmo?

Aliás, é ou não é um porre ter que aguentar todo mundo querendo te arrumar um marido?

Sua mãe, por exemplo, sempre arruma um bom partido para lhe apresentar.


Ela te convida para irem até o mercado, e você acredita que vai ser só para comprarem um pouco de bacalhau para o almoço de domingo, mas ela já vai avisando:

"Ai, filhinha, passa um pouco de batom na boca, porque vai que você encontra um bonitão na rua."

Tudo bem, você passa o batom, dá uma ajeitada nos cabelos, e quando chegam lá, no mercado, ela já te pega pelos braços e arrasta para conhecer o filho do dono do estabelecimento: "Olha, essa é aquela minha filha que eu te falei, lembra?"

Pausa para você tentar disfarçar o mal-estar causado pelo encontro...

"Que merda!! Agora eu vou ter que fazer um social para um cara que eu nem sei quem é, mas que deve saber tudo da minha vida, porque minha querida mamãezinha já contou até que eu estou sem namorado há mais de um ano. 
Pronto, agora ele vai achar que eu estou correndo atrás de homem."

Então, depois de educadamente cumprimenta-lo, você reza para sua mãe terminar logo a conversa, mas parece que ela fica muito mais empolgada com seu silêncio:

"Olha, ela não é assim tão calada, viu? Essa menina quando conhece melhor as pessoas, fala que parece uma matraca...Ah, mas ela é um amor, porque sabe cozinhar (mentira, você nem sabe fritar um ovo), é muito prestativa e vai dar uma ótima esposa"

Ah, se matricídio não fosse crime...

Agora, barra mesmo é ter que aguentar aquela conversa franca de mãe para filha.

"Olha, eu sou mais velha que você (jura?), já vivi muitas coisa nesta vida, por isso eu acho que você devia arrumar logo um homem e se casar, minha filha".


Peraí!!!
"Arrumar um homem!?"
Como assim?

Será que ela quer dizer para pegar qualquer um?

Sim, porque parece que para ela os homens devem vir em caixinhas.
A gente pega o bonequinho que vem dentro da caixa, deixa dentro de uma bacia de água, de um dia para o outro, e ao amanhecer tá lá, um homem pra casar.

Mas pelo menos este tipo de conversa é menos traumática do que o papo que o papai está a fim de levar com você.

Claro, antes dele tomar coragem de tocar no assunto, teve que brigar muito com sua mãe, porque ele achava que era ela quem devia resolver seus problemas.

Bem, se fosse nos seus 14 anos você poderia imaginar o papai falando sobre os garotos, de como eles podem estragar a vida de uma pobre menininha, só que o assunto é bem mais punk:

"Filha, pode contar para o papai: Você é lésbica?"
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2014 - Revista Andros

domingo, 11 de junho de 2017

ELE É TÃO ROMÂNTICO QUE ENJOA!

Que amor cafona

Tudo bem que você sempre quis um homem romântico, mas ele precisava ser tão meloso, tão interessado em te agradar, que chega a dar nojo!?

Romantismo demais, excesso de "provas de amor" e muito açúcar na relação, ao contrário do que muitos imaginam, em vez de deixar uma mulher mais apaixonada, pode acabar deixando-a totalmente sufocada.

Por mais que você ache isso um absurdo e acredite que romantismo e demonstração de amor nunca é demais, lembre-se:

TUDO QUE É DEMAIS, ENCHE! 

Por exemplo, "eu te amo é gostoso de ouvir, mas se acabar virando virgula pode ser um pé no saco!

Já imaginou o cara passar o tempo todo falando que te ama? Puta que pariu, mas será que ele não cansa de ficar o tempo todo " Amor , sabia que eu te amo?". Oras, um cara desse fundo não passa de um inseguro, por isso fica o tempo todo repetindo,
"Ah, como eu te amo...", "Eu já disse que te amo, meu amor?"

Mas com tanta frescura não é de estranhar que ele seja tão inseguro, porque aposto que ele já deve ter levado um pé no rabo de várias namoradas por ser tão chato.

Vixe!! Parece papagaio de tanto que repete "eu te amo"!!

E todo santo dia ele faz questão de enviar o mesmo "WHATS" de sempre: 
"Tenha um bom dia, te amo." 

E quando vocês brigam, em vez dele te mandar para o inferno, ele prefere dar uma de menininha carente:

"Nossa, eu te amo tanto e você me trata tão mal?"

Calma, eu não tenho nada contra o amor.
Muito pelo contrário, eu acho que o amor quando é verdadeiro é um dos melhores sentimentos que existem.

O problema é que tem gente que acha que tem que ser amoroso o tempo todo, e isso é um porre.

Por exemplo, de repente você está soltando os bofes pra fora depois de uma bebedeira, e lá vem ele todo preocupado em fazer o papel de menino bonzinho: "

"Nossa, querida, mas você é linda até vomitando...Quer que eu enfie o dedo na sua goela para você vomitar melhor?"
!
Sem contar que tem uns caras que adoram uma platéia para fazer aquela declarAção de amor, já reparou?

Já imaginou você lá, na praça de alimentação do shopping, comendo seu "big mac", quando ele resolve fazer aquela declaração de amor melosa, bem na frente de um todo mundo?

Puts, você quer se esconder em baixo da mesa, mas não tem jeito, porque ele se levanta e aponta o dedo na sua direção:

"Gente, eu amo essa mulher!!!!"

Mas que catso de sinuca de bico ele te colocou!??

Claro, a galera quase sempre gosta do espetáculo:

"Nossa, mas que casal lindo!"
"Oh, como ele é romantico!",
"Ai, por que eu não tenho um homem assim?"

Bem, essas são as reações femininas, porque os homens só pensam uma coisa:
"Que cara babaca!!"

Claro, porque nós somos homens, e sabemos muito bem distinguir uma demonstração de amor "masculina" de uma ceninha bufa, de um cara que só quer impressionar.

Aliás, além de ser uma demonstração de insegurança e imaturidade emocional, o excesso de romantismo muitas vezes esconde algo muito mais sério, que é o desejo de levar vantagens sobre o outro.

Por exemplo, existem homens acham muito mais fácil tentar resolver tudo com declarações de amor.

Ele pode ser um tremendo de um vagabundo sustentado pelos pais, mas ele te ama.

Ele vive te ferrando de todas as maneiras, mas ele te ama.

Ele te chifrou com a gostosinha do bairro?
Tudo bem, foi uma fraqueza, ele estava se sentindo meio triste por achar que você não estava valorizando o grandioso amor que ele sente por você, mas ele ainda te ama.

Caramba, mas quando uma mulher emocionalmente carente encontra um vampirinho emocional, ela sempre acaba entregando os pontos:

"Isso, meu amor, me ferra, mas adoça meus ouvidinhos, diz que me adora, que sou tudo na sua vida! 
"Diz que não vive sem mim e que me ama muito e muito e muito!"

E quanto mais ele fizer questão de demonstrar seu "imenso amor" por você, mais exigências ele fará, cobrando de você um comportamento à altura dos mimos recebidos.

Oras, ele te ama, então, convenhamos, a culpa sempre será sua se algo der errado.

E saber disso te deixa meio perdida, porque sua vida passa a girar em torno da satisfação dele ,como se fosse sua obrigação pagar da melhor forma possível por tudo de bom que ele te faz.

Então você vai se anulando, deixando de falar ou fazer um monte de coisas, tudo para recompensá-lo por ser tão maravilhosamente romântico.

E muitas vezes, mesmo sabendo que ele é um porre, mesmo já estando de saco cheio da cara dele, ainda assim você tenta se convencer de que ele é o homem perfeito.

E quando isso acontece, você se condena e tenta esquecer, pois sempre lhe vem a cabeça as palavras dele:

"Eu te amo muuuuito, sabia?"


Resumindo:
Você se torna prisioneira do romantismo dele.
..........................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

SEM UM AMOR NO DIA DOS NAMORADOS

Sem um amor no dia dos namorados


Depois do Natal, creio que não existe data mais triste para algumas mulheres do que passar o dia dos namorados sem um amor!


Também pudera, porque parece que todas as músicas românticas que marcaram sua vida afetiva resolvem tocar justamente no dia 12 de junho.

E como se não bastasse, você ainda tem que olhar para as caras alegres de suas amigas, todas namorando, falando sem parar sobre as qualidades de seus namorados, que até já reservaram os melhores quartos de motel da cidade, onde darão aquele picote nervoso.

Sem contar que elas ganharão aquele ursinho de pelúcia (que você acha cafona, mas que seria tão bem-vindo agora).

E as caixas de bombons, então?
"Nossa, bombons acompanhados por um cartão vermelho, escrito "I love you" seria tudo de bom."

Sem contar que parece que nesta data quase todo mundo bebe vinho branco, menos você!

Que coisa...
Se pudesse encontrar alguém, nem que fosse para dividir uma cerveja depois do expediente, já seria bom.

E você ainda tem que responder a "marvada" pergunta daquela sua "amiga":

"O que você vai fazer amanhã a noite, amiga?"

Claro, você tenta se controlar ao máximo para não apertar o pescoço da infeliz.
Oras, se fosse outra até dava para dar um desconto, mas ela não.
Pombas, chutar cachorro morto é muita sacanagem.

Ainda mais ela, que mais do que ninguém sabe que você está sem namorado há mais de um século.

Sei não, mas eu senti um certo ar de cinismo naquele sorriso quando ela disse:
"Liga não, amiga...Quem sabe você arruma um antes do dia terminar."

Cacete!! Parece até aquela coisa da gente esperar o filho da puta do Papai Noel, ele não aparecer com nossos presentes, e a mamãe falar meio sem jeito: "Quem sabe ele ainda vem hoje, filhinho?" 

Tá bom, aí o papai não conseguiu aquela grana emprestada para comprar a droga do meu "autorama", e eu acabei com duas decepções:
"Papai Noel não existe e meu pai está duro em pleno natal!!!"

Aliás, já reparou que parece que no "dias dos namorados" a crueldade feminina contra as "sem-namorados" parece não ter limites!?

 Vixe! Só falta elas rirem da sua cara:
"Ha!Ha!Ha! Eu tenho namorado, você não tem..."
"Ha!Ha!Ha! Você é uma encalhada, eu não sou!"

"Tadinha...Mas você é tão linda e gostosa, logo vai arrumar alguém"


Mas você queria agora, não no dia 12 de junho do ano que vem!
"Sei lá amiga...Arruma alguém, liga para algum ficante e dá para ele..."

Pronto, agora já estão avacalhando de vez, porque parece que seu caso é de apelação. Arrumar alguém???

Pombas, se o problema fosse arrumar alguém, bastaria dar uma folheada na sua agenda e escolher qualquer um.
Só que você queria um NAMORADO!!!!!

Que inferno!
Será que é tão difícil assim suas amigas, primas, tias e vovós entenderem?

E jantar fora no dias dos namorados, então?
Pior do que isso é ir no motel sozinha.

Sim, porque você entra no restaurante sozinha, mas o maldito garçom sempre pergunta se quer beber algo enquanto espera "ele" chegar. Aí você pede um chopp, mas o bendito do garçom não sossega. Ele olha para o banheiro, crente de que seu namorado está tirando "água do joelho" e pergunta: "E a senhorita, vai querer um suco de laranja?"

Não, caralho!!! Eu quero beber até chamar Jesus de Genésio!!!

Aliás, uma vez uma colega minha, a Vilma, (uma típica ariana) resolveu jantar com algumas amigas, todas "sem-namorado", no bendito dia do namorados. Mal elas entraram no restaurante e foi aquele silêncio, com todas as mulheres olhando para elas, como se fossem umas leprosas.

Então, como ela já estava de saco cheio, falou em alto e bom tom:

"Podem ficar sossegadas, porque aqui ninguém vai roubar os homens de vocês! Somos todas lésbicas!!!"


Mesmo assim não custa nada acreditar, não é mesmo?

Sei lá, vai que aquele seu ex-namorado também está meio carente, arrependido por ter terminado com você, e resolva aparecer...

Mas ele é homem!
E pelo que você sabe, homens não costumam ficar carentes no dia dos namorados.

Muitos nem se lembram da data se a namorada não lembrar - que é o caso deste seu ex!

Enquanto existe vida, há de existir esperanças! 

Por isso você aproveita as ultimas horas do dia para sair, toda linda e produzida, porque o homem da sua vida pode estar bem alí, sentado numa mesa de canto, no barzinho que você e suas amigas parecem terem sido levadas por uma força misteriosa do destino.

"Olha só que homem bonito, elegante e...sozinho!!! Obrigada, meu Deus! Obrigada por colocar esse homem no meu caminho!"

Epa!!!! Quem é essa loura horrorosa que está se aproximando dele? Ah, era bom demais para ser verdade. E ele está dando um anel de diamantes de presente para ela!?

Agora vem o ódio mortal contra a Justiça Divina:

"Ó, Senhor, como é possível essa fubanga ter namorado e eu não!!?? 
Tá de sacanagem comigo, meu Pai!? 
Já sei, é castigo por ter sido ruim em outra vida! 
Sim, porque o Senhor deve ter me trazido aqui só para humilhar!! 
Aliás, se uma mulher feia como ela ganhou um anél de diamantes, no mínimo eu merecia ganhar uma Ferrari, né Deus!?"


Mas, voltando a dura realidade depois do choque, tanto você como suas amigas resolvem fazer pouco caso da data.

A Beatriz, por exemplo, disse que está "super" de bem com sua vida de solteira. Claro, você concorda e ainda completa: "Homens...Quem precisa deles?"
E a Renata, então? Ela conhece como ninguém a ambição humana, por isso carrega no discurso:" Esta data é puro comércio, coisa de machistas-capitalistas!".

É, mas tem sempre uma amiga que acaba "abandonando o barco", já reparou?

 A Isabel, por exemplo, bastou o ex-namorado pedir para voltar, que em vez dela ser solidária, preferiu correr para os braços dele.

É, realmente não dá para disfarçar a inveja misturada com o raiva:
"Essa hora a Isabel deve estar se acabando na cama com o Rodrigo...Tomara que o preservativo estoure e aquela filha da puta engravide"

Pior é saber que aquela mocoronga da Claudinha, que estava há muito mais tempo sem namorar ninguém, acabou encontrando uma antiga "paixão não correspondida", que há muito não via, bem no meio de um shopping lotado, no dia 11 de junho, que confessou que era louco por ela...

Aí já é muita sacanagem comigo, Deus!

E você lá, puta da vida porque queria "umzinho", nem que fosse para não passar a data em branco.

Lógico, sem deixar a Renata saber, senão ela iria te chamar de "pequena burguesa", "filhotinho do Tio Sam"...

Taí, a Renata até dá para entender porque não arruma namorado, mas você é tão legal...

Sim, eu sei que nos outros dias esta vontade nem era tão forte assim, mas é o dia dos namorados, caramba!

E nem se trata de achar que uma mulher só pode ser feliz com um homem do lado.


Por isso, que se danem as feministas, mas você é mulher e tem todo direito de ficar dengosinha e sensível nesta data!

E também tem o sacro direto de odiar suas amigas nojentas, que ficam te torturando no dia seguinte, cacarejando sem parar, contando que ganharam isso e aquilo dos namorados, que foram jantar fora e deram um picote nervoso no motel de luxo, com nome brega, estilo Love Flower´s.

Sim, da mesma maneira que ficava puta da vida quando o Natal chegava e só você não ganhava a bonequinha da Estrela, que engatinhava e falava " Mamãe", hoje você merece ficar azeda!

E te dou toda razão, porque até hoje não esqueço do maldito autorama!!!

Pombas, é sim uma questão de data, de querer participar da melhor maneira, por isso não tem Cristo que faça com que você finja que não está nem aí!

Por isso, pode morrer de raiva, sim!!! 

E pode invejar suas amigas e desejar que engordem tanto com as porcarias de bombons que ganharam, e que mal caibam dentro das roupas que ganharam, porque no ano que vem será você a invejada, aquela que será odiada por aparecer toda linda e sorridente, ainda com o cheirinho do sabonete do motel, contando nos mínimos detalhes como foi maravilhoso o seu dia 12 de junho!!!
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

ELE É UM ESTELIONATÁRIO EMOCIONAL.

Tô com depressão - Estelionatário emocional

Foi se o tempo em que um cara, quando queria terminar com uma garota, inventava desculpas esfarrapadas como "não é você, sou eu" (essa é clássica); ou algo mais direto como "sou muito novo para me casar" .

Não, definitivamente, o lance agora é muito mais teatral, coisa de cinema mesmo.

Mas não é qualquer filme, não.

Que nada, o lance tem que ter algo de dramático, algo como uma depressão, por exemplo.

Sim, depressão agora virou moda, todo mundo diz que tem.
Por isso, quanto maior o grau de encenação, daquela coisa dele fingir que está sofrendo e não ver mais sentindo na vida, melhor será o efeito desejado.

E que maravilha é a depressão, hein? 

Sim, porque como quase todo mundo não sabe como identificar um quadro depressivo, se um cara está a fim de terminar um relacionamento e não sabe como dizer, basta ele dar uma de "perdido e sem vontade de viver" que todo mundo acha que ele está com depressão.

"Eu estou com depressão porque meu time de futebol perdeu" 
Não meu caro, você não está com depressão, pode estar triste, puto da vida e até frustrado, mas não está com depressão.

"Uau!!! Quem vai me culpar se nem quero mais viver? 
Casar e juntar os trapos? 
Que nada, agora eu estou passando por uma crise de depressão e não posso assumir nenhum compromisso, baby!"

Chega de ter que encarar a barra de dizer que não quero mais, chega de dar explicações sobre aquele lance de que eu a amaria para sempre, porque com esse papo de "eu não vejo mais sentido na minha vida" e algumas atitudes de maluco, como deixar de tomar banho e ficar o dia todo trancado no meu quarto, eu tenho ótimos argumentos para dar um chute nela.

E o melhor é que ela ainda vai sentir pena de mim, não é demais?


Realmente, tem homem que adora um estelionato emocional...

Conheço uma porrada de mulheres que só descobriram a farsa depois que viram que a depressão do sujeito foi curada com muito chopp, mulheres e baladas. 

Aliás, como é mais que natural, dificilmente uma mulher vai abandonar o homem que ama em uma situação "tão deplorável". Sabe como é: até uns dias atrás ele estava alegre...
 Só que agora, sem nenhuma explicação, o cara murchou de vez. 
É, ele tá depressivo, tadinho...

E é sempre assim com estes caras: 
A depressão chega sem avisar, como se fosse um resfriado.

Então, minha filha, diante de tal situação, você sofre por ele e faz de tudo para o picareta melhorar, mas o cara continua lá, mantendo a pose, caprichando na encenação, ameaçando se matar. 

Sim, porque tem sempre aquele picareta que resolve torturar a mulher com uns papos bravos de que vai pular nos trilhos do metrô!! 

Bem, se é para mentir, que a mentira seja bem convincente.

Por isso que eu vivo repetindo:
Se você gosta de cafajestes, prefira os originais!!

Nada de homem bonzinho demais, sensível demais, carente demais, viadinho demais!!!

Pega aqueles que jogam limpo, na base do:
"Estou a fim de putaria e te dou dois minutos pra sumir da minha frente, Zulmira!".

É feio, é grosseiro? 
Sim, mas pelo menos ele não fica dando uma de "tarja-preta"!

Uma leitora, por exemplo, achando que depressão se cura com diversão, torrava uma grana preta só para levar o "maníaco depressivo" do namorado para se divertir nas baladas. 

E é claro que ela pagava tudo, porque queria evitar que ele ficasse triste na hora de abrir a carteira, entende? 

E como ela ficava alegrinha quando percebia que ele estava dando sinais de melhora...
Ele estava até sorrindo!!!

Isso até ele conseguir convencê-la de que devia deixá-lo para que não sofresse mais:

"Você merece um homem que te faça feliz, porque quando eu te vejo sofrendo por minha causa, querendo me ajudar, isso me deixa muito mais deprimido."

Mas não é que no fundo ele tinha razão? 

Sim, porque bastou ela se mandar para ele voltar a sorrir em menos de um mês. 
Claro que tal melhora repentina acabou despertando uma desconfiança:

"Peraí, essa história está muito mal contada...Quem é essa garota no face dele? ' "Você é a mulher que eu quero passar o resto da minha vida???' 
Como como assim "passar o resto da minha vida"!?? 
Mas esse filho da puta não queria se matar!?"

Então, minha cara, percebeu como a moda agora é o cara apelar para a depressão, síndrome de pânico e estresse pós traumático? 

Aliás, estresse pós traumático é a desculpa favorita de ex-cornos: 
"Minha ex me chifrou por isso eu não consigo ter nada sério com ninguém"

Só que além disso ainda exitem os caras que gostam de apelar para os famosos "pobremas espirituais". 

Puts!!! Se já é foda lutar contra os "probremas terrenos", imagine a barra de lutar contra "forças do outro mundo"? 

Aí não tem não jeito, porque não dá para lutar contra forças invisíveis.

Já vi casos do sujeito inventar que estava ouvindo vozes e que via vultos e todo tipo de fenômenos do além.

Uma leitora, por exemplo, foi em tudo quanto é lugar (terreiro, centro espírita, benzedeiras e igrejas) para ver se conseguia resolver os problemas do seu noivo.

Ela até comprou um "patuá de proteção"para ele!!

Bem, mais isso foi até ela descobrir que ele tinha sim, um encosto, mas era uma japonesinha que trabalhava com ele.

Sem contar que é muito mais fácil para ele dizer que só te traiu com uma garota porque ela fez uma "amarração de amor".

Só que a depressão tem um certo charme, entende?

Se ele não quer mais saber de trabalhar, é culpa da depressão; 
se ele tem um ataque de raiva e te manda para o inferno, também é depressão. 
E na hora do picote, então? 
Pra quê ficar repetindo o tempo todo "isso nunca aconteceu comigo", se é muito mais fácil dizer que é culpa da depressão?


Amor (você fazendo cara de tesão)...Faz tanto tempo que a gente não transa, né? 

"Agora não dá porque estou triste" - ele responde fazendo cara de coitado.
 
Mas não dá nem para você dar uma chupadinha no meu moranguinho?


"Eu queria, mas eu estou tão triste que nem tenho mais vontade de chupar a sua frutinha"
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!

quarta-feira, 17 de maio de 2017

PARE DE IDOLATRAR OS HOMENS, SUA PAMONHA!

Homens Não São Deuses!

Escreva na primeira página de sua agenda, no espelho do banheiro, e até mesmo nas palmas das mãos se for preciso, mas HOMEM NÃO É DEUS!!!!!

Depois de receber uma porrada de emails, quase todos parecidos, de mulheres pamonhas, todas querendo saber como fazer um homem se apaixonar ou voltar para elas, acabei ficando com um tremendo mau humor!

E é para estas mulheres que estou escrevendo esta matéria.

E podem esperar porque eu vou soltar o verbo, mesmo!

Homem não é um deus, para ser colocado num altar para ser idolatrado!
Homem é um bicho igual a vocês, cuja grande diferença está no meio das pernas, e ponto final.

Nós choramos, morremos de medo de broxar, sofremos por causa da rejeição, somos tão inseguros como as mulheres, enfim, temos um monte de defeitos.

Por isso, somente uma mulher que nasceu para capacho é capaz de se anular em nome desta maldita ilusão de achar que homens são especiais!

Então, para tentar responder de uma vez por todas algumas dúvidas, reuni as perguntas mais comuns que recebo de mulheres pamonhas:

"O que eu faço para ele não procurar outras mulheres que façam na cama o que eu não topo fazer?"

Faça apenas o que gosta de fazer na cama, e que se danem as taras e fantasias dele!

Se você não gosta da parada, não faça!!!

E tem mais: se acha que vai prender um homem só porque resolveu encarar um ménage, por exemplo, você está totalmente enganada.

Ele não será agradecido, nem mesmo vai encará-la com o mesmo respeito de antes.

E não tem nada a ver com a sacanagem que topou fazer, mas porque é raro encontrar um homem que mantenha o mesmo interesse por uma mulher que se deixa dobrar por chantagens emocionais baratas.

E o mesmo serve para quando ele disser "Se você sair com suas amigas, está tudo acabado entres nós".

Se um homem percebe que uma mulher morre de medo de perdê-lo, usará este medo para conseguir tudo que deseja. Então, depois que ele se cansar de bater em cachorro morto - porque pisar em mulher submissa nem tem tanta graça - ele vai te dar um pé na bunda e arrumar outra coió para colocar na coleira.
..................................

"Não sei quase nada de sexo e tenho medo dele não gostar quando a gente transar."

Homem que é homem nunca vai tratar mal uma mulher que sabe pouco sobre sexo. Aliás, quase todos gostam de ensinar uma mulher na cama . Claro, estou me referindo à homens, não a essa coisa que se irrita quando você não faz um "carinho" direito: "Pô, Zulmira!! Quantas vezes eu tenho que repetir pra você não ralar os dentes no meu mamilo!?"
.......................................

"Como faço para ele me amar!"

Procura o terreiro da Dona Creuza, que ela faz uma amarração brava de amor!!

Oras, faça-me o favor!
Não existe fórmula para o amor, caramba!

Agora, existe uma regra que não falha nunca:
Quanto mais uma mulher tenta ser amada, menos amada será.
.....................................

"Como poderia viver sem o amor do homem da minha vida?"

Como viver sem o amor dele? Oras, mas que catso de amor, minha filha?
Se ele se mandar da sua vida é porque o amor já era, acabou!!

E quanto a viver sem ele, bem, é só você aprender a deixar de ser tão dependente do amor dos outros e começar a se valorizar mais.

Sei lá, pode demorar, mas um dia você deixará de se rebaixar ao nível de não ser capaz de viver sem uma muleta emocional!

................................................

"Ele diz que me ama, mas não quer namorar comigo."

A resposta é simples:
ELE NÃO TE AMA!! 

Ele só fala essas merdas para mantê-la presa pela esperança. E tem funcionado. Sim, porque parece que você está disposta a esperar uma eternidade para ele mudar de ideia.
Mas tenha fé!
Com a ajuda da Dona Creuza e muita força de vontade, um dia ele vai amá-la.
..................................................

"Nos "fizemos amor" e agora ele não me procura mais".

O cara papou e se mandou? Pior: sumiu de vez?

Então já era: ele só quis o sexo.
E ele não foi muito exigente, viu?

Oras, ele podia transar com você pelo menos uma dez vezes, mas parece que uma vez foi o bastante.

......................................................

"Ele é muito fechado e nunca demonstra que se importa comigo!"

Qualquer homem demonstrará o amor que sente por uma mulher.
Seja com presentes, palavras, por meio de um sorriso apaixonado, mas ele dará o recado.

Agora, se o seu benzão mal abre a boca para falar com você, se ele nunca sorri e nunca diz que você é um pitelzinho lindo, definitivamente, ele não te ama!

..........................................................

"Por que ele fica dando em cima de mim, mas nunca toma coragem de chegar junto?"

Porque é um banana!

E homem assim é perda de tempo!!

Pense bem: se ele é tão covarde diante da garantia de seu amor, imagine diante de coisas mais desafiadoras?

Aliás, eu não consigo entender como vocês podem perder tanto tempo com um "Mosca de Padaria"!

......................................................................

"Ele diz que não sabe o que sente por mim!"

Como é que ainda tem mulher que entra nessa conversa mole?

 Oras, se um homem não ama uma mulher, ele pode dizer que gosta dela, que só sente tesão, e até que ela é "legal pra caramba" ou "gente fina", mas dizer que não sabe o que sente...

Bem isso é comum quando o cara só quer garantir o sexo de final de semana.

....................................................................

"Estamos juntos há um século e ele sempre diz que um dia vai se divorciar pra ficar só comigo".

Se ele pode ter as duas, por quê motivos acha que ele mudaria esta situação?
Só porque você acha que ele te ama, é isso?

Acorda, mulher!

Afinal, onde ele encontraria outra mulher disposta a ser a outra por tanto tempo?

Aliás, depois de um tempo é mais fácil ele trocar de amante do que de esposa.

 Não consigo entender como algumas mulheres podem se sujeitar à todo tipo de coisas, sempre se sacaneando até os ossos, só por causa de macho!

Mas é tudo ilusão!
Homens detestam mulheres que fazem de tudo para prende-los.

E tem mais:

Quando ele te conheceu, sabia exatamente que não era uma mulher forte.

Não acredita?
Tá bom, então me diz qual homem continuaria vivendo ao seu lado depois de ver quem realmente é? Nenhum, só ele.

Sim, você pode odiar o que está lendo, mas alguns homens só ficam com as tontas porque é muito prático viver com elas.

Só que vai chegar uma hora que até ele vai se mandar...

Seja homem ou mulher, ninguém consegue viver ao lado de quem vive se rebaixando. 

Ou vai me dizer que você conseguiria amar quem nasceu para ser capacho? Nunca!!

Ninguém é capaz de amar quem jogou o amor-próprio no lixo!!!

A fórmula do amor é simples:
Quem te ama, te quer.

Simples, fácil e até banal...
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

MULHER DIGNA DE PENA NÃO É AMADA NEM PELO CAPETA.

Você tem medo de perder o que?

Por acaso você está com medo de perder este homem que todo dia toma banho na mesma casa que você, que almoça e dorme na mesma cama, mas que não passa de um estranho? 

Será que sente medo de perder este cara que há muito tempo não lhe dá atenção e nem respeito, que só lhe dirige a palavra para reclamar que não passou suas roupas direito?

Ou será que o medo que sente é o de ficar sem ter o que comer, sem alguém que cuide de você, pague as contas, enfim, que fique sem um teto para morar?

É minha cara, o seu medo de perder a muleta é forte demais.

Às vezes, o que você mais tem medo de perder é o que mais lhe causa dor.

Será que ainda não se tocou que todo o seu sofrimento não vai servir para nada? 
Será que não percebe que a única responsável por tudo que acontece em sua vida é você, porque você se colocou nesta situação, mas não faz nada para sair? 

Não importa que esteja presa à ele por amor, por carência, por comodismo ou até mesmo por causa de um teto para morar, porque você, somente você tem as chaves que abrem os cadeados das correntes que te prendem.

Onde está o amor que sente por este homem!?

Onde está a porcaria de amor que você adora usar como justificativa para as sacanagens que comete contra si, hein?

Oras, que lixo de amor é esse, que quando você coloca a cabeça no travesseiro, muito tem para lamentar e quase nada para sorrir?

Fala a verdade, você nem lembra mais qual foi a última vez que ele te deu beijo, um abraço ou disse apenas um "obrigado", não é?

Agora, se formos listar as porradas que você vive recebendo...

Vixe, você apanha todos os dias, vive se humilhando, e nada de Papai do Céu ajudá-la. Ah, sim, porque eu sei muito bem que tem apelado até aos céus por um milagre. 

Só que o amor não precisa de milagres!!! 

Ou você é ou não é amada, o resto é drama!!

E você ainda tem coragem de chamar esta porcaria de amor???
É, realmente o seu grande problema é o amor...

Mas seu problema não é o amor que você dá, mas o amor que não recebe. 
Sim, pode ficar puta da vida comigo, mas você morreria pela chance de um dia ser amada por ele. 

E sabe por que não é amada? 
Oras, porque você não é digna de ser amada!!!! 

Sim, foi isso mesmo que acabou de ler!

As pessoas podem te achar uma mulher bondosa, uma alma generosa, mas no final só será digna de pena, jamais de amor. Sim, porque você não se ama! E quem não se ama, quem não sente tesão por si, jamais conseguirá despertar algo de bom nas pessoas, por isso que você só recebe migalhas ou desprezo!

E é tão triste quando a gente é digno de pena...

Quantas mulheres se arrumam, se perfumam e ficam esperando pelo benzão, que nem dá as caras?

O infeliz promete que vai aparecer na sexta feira para comerem aquela pizza no boteco da esquina (sim, porque mulher masoquista não merece muito luxo, não!), mas ele some e só aparece na segunda feira, de noite.

E já vai avisando: "Não me enche o saco com cobranças!!!"

Conheço mulheres lindas, gostosas, do tipo que poderiam ter os homens que quisessem, mas que ficam atreladas à trastes. 

Todo mundo sabe que ela é chifruda (até ela), e mesmo assim a infeliz fica nesta de procurar mancha de batom no colarinho... 

E se você achar qualquer prova de traição, vai fazer o quê? Ir embora? Duvido!!!! 
Que nada! Você vai chorar, vai fazer aquele drama de mal amada, mas não vai largar o osso, da mesma maneira que não largou nas outras vezes que ele te ferrou.

Por isso que eu sempre digo e repito:
Por mais que um homem seja cafajeste, nada acontecerá se você não se interessar por ele.

E você acha que merece isso? Acha que merece o que VOCÊ esta fazendo com sua vida, me responda!?

Vergonha na cara não faz mal, sabia?

E qualquer mulher com um mínimo de respeito próprio, jamais se daria ao trabalho de vigiar macho para ele não copular com a primeira baranga que aparecer!

E nem ficaria esquecida em casa, largada, com a bunda achatada de tanto ver televisão, porque ele nunca aparece. Aliás, quando ele aparece é só para dar uma "molhadinha no biscoito".

Filha, o que você tanto tenta prender é tão prejudicial para sua vida , que se puser a cachola para funcionar, verá que é tão fácil substituir o que não presta!

Sei lá, para começar você deveria voltar a estudar, arrumar um emprego e ser dona da sua própria vida, sem depender do sustento de ninguém. 

E mesmo que você já trabalhe e pague suas contas, depender emocionalmente dos outros é algo deprimente demais.

Pode até ser que a grana não seja suficiente para pagar a conta do cabeleireiro, pode ser que você quase enlouqueça por causa da abstinência de se manter longe deste amor suicida, mas o que vai ganhar em dignidade não tem preço!

No mínimo deixará de ser a coitadinha, a mulherzinha digna de pena.

E pode apostar que mulher digna de pena não é capaz de ser amada nem pelo capeta!!!
..........................................................................................................
Leia meu livro QUERO SEU SORRISO DE VOLTA e vire uma mulher ruim e feliz!!
www.revistaandros.com.br - © Copyright 2017 - Revista Andros

ELA SONHOU QUE ESTAVA ME BATENDO